Comunicados e Fatos Relevantes

Esclarecimentos sobre consultas CVM/B3 - Valor 30/04/2018

São Paulo, 02 de maio de 2018
 
 
À
B3 - BRASIL, BOLSA, BALCÃO("B3")
Praça Antônio Prado, 48, 2º andar
CEP 01010-010, São Paulo - SP
 
 
SUPERINTENDÊNCIA DE ACOMPANHAMENTO DE EMPRESAS
At.: Ilma. Sra. Ana Lucia da Costa Pereira - Superintendente de Acompanhamento de Empresas e Ofertas de Valores Mobiliários de Renda Variável
 
CC.: CVM - COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS
At.: Sr. Fernando Soares Vieira - Superintendente de Relações com Empresas
Sr. Francisco José Bastos Santos - Superintendente de Relações com o Mercado e Intermediários
 
 
Ref.: Ofício nº 810/2018-SAE
 
Prezados Senhores,
 
Fazemos referência ao Ofício nº 810/2018-SAE ("Ofício"), de 30.04.2018, por meio do qual V.Sas. solicitam esclarecimentos à Braskem S.A. ("Braskem" ou "Companhia") a respeito da notícia veiculada na mesma data, no jornal Valor Econômico, sob o título "Oferta da Braskem", conforme transcrito abaixo:
 
Prezados Senhores,
 
Em notícia veiculada pelo jornal Valor Econômico, em 30/04/2018, sob o título "Oferta da Braskem", consta, entre outras informações, que:
 
1. Os controladores da petroquímica Braskem, Petrobras e Odebrecht, já começaram a formar o sindicato de bancos que será responsável pela oferta de ações da companhia;
2. Os bancos Citi, Bank of America, Bradesco BBI e Santander serão os primeiros a compor o grupo, mas o sindicato ainda não está fechado;
3. A oferta primária e secundária está prevista para o primeiro semestre.
 
Solicitamos esclarecimentos sobre os itens assinalados, até o dia 02/05/2018, com a sua confirmação ou não, bem como outras informações consideradas importantes.
 
A esse respeito, a Braskem esclarece ao mercado e aos seus acionistas que:
 
a) não existe até o presente momento estudo no âmbito da Companhia sobre a realização de uma oferta primária das ações de sua emissão;
b) a Braskem não contratou nenhum Banco para realização de oferta de suas ações, seja primária, seja secundária;
c) a decisão de realização de oferta secundária cabe exclusivamente ao(s) acionista(s) da Braskem;
d) a Companhia inquiriu sua acionista controladora, Odebrecht S.A., que informou que não há decisão tomada para realização de oferta secundária de ações da Braskem e que não realizou a contratação de bancos para tanto; e 
e) da mesma forma, a Companhia questionou a Petrobras, acionista signatária de acordo de acionistas, que também informou que não houve nenhuma deliberação acerca de qualquer operação que envolva a alienação das ações por ela detidas e que nenhum banco foi contratado para realizar a suposta operação.
 
A Companhia manterá o mercado devidamente informado sobre fatos julgados relevantes sobre o tema.
 
Informações adicionais podem ser obtidas junto ao Departamento de Relações com Investidores através do telefone (11) 3576-9531 ou do e-mail braskem-ri@braskem.com.br.  
 
 
Atenciosamente,
 
Pedro van Langendonck Teixeira de Freitas
Diretor Financeiro e de Relações com Investidores
Braskem S.A.