Notícias

Braskem divulga hoje os resultados do 2T18 e convida para teleconferência

EBITDA atingiu R$ 3,2 bilhões no 2T18, 5% superior ao 2T17 e 20% superior ao 1T18
 
São Paulo, 08 de agosto de 2018 - A BRASKEM S.A. (B3: BRKM3, BRKM5 e BRKM6; NYSE: BAK; LATIBEX: XBRK) divulga hoje resultados do 2T18.
 
DESTAQUES:
 
Consolidado: 
  • EBITDA de US$ 877 milhões, 7% superior ao 1T18 devido (i) a maiores spreads no mercado internacional dos principais químicos, de vinílicos e de PP nos Estados Unidos; e (ii) ao impacto positivo da depreciação do real nos custos e despesas atrelados a esta moeda. 
  • Lucro líquido de R$ 547 milhões na controladora, representando R$ 0,69 por ação ordinária e ação preferencial classe "A", 48% e 50% inferior ao 1T18 e ao 2T17, respectivamente, em função da desvalorização cambial entre os períodos. 
  • Alavancagem corporativa em dólares de 1,90x. 
  • Geração livre de caixa no trimestre de R$ 3,3 bilhões. 
  • Em maio foi realizado o pagamento de R$ 1,5 bilhão de dividendos complementares aos titulares de ações ordinárias e preferenciais classe "A". 
  • Conforme Fato Relevante divulgado em 15 de junho de 2018, a Braskem foi informada pela Odebrecht S.A., sua acionista controladora, do início de tratativas com a LyondellBasell, companhia aberta com sede em Roterdã, visando uma potencial transação envolvendo a transferência à LyondellBasell da totalidade da participação da Odebrecht S.A. no capital social da Braskem. 
Brasil: 
  • No 2T18, taxa média de utilização das centrais petroquímicas de 90%. 
  • Demanda de resinas no mercado brasileiro (PE, PP e PVC) de 1,3 milhão de toneladas no 2T18, em linha com a apresentada no 2T17.
  • Vendas de resinas da Braskem no mercado brasileiro de 821 mil toneladas no 2T18, 2% inferior em relação ao 2T17. 
  • No 2T18, 320 mil toneladas de resinas exportadas, queda de 13% em relação ao 2T17.
  • EBITDA de R$ 1.784 milhões. 

Estados Unidos e Europa: 

  • No 2T18, taxa de utilização de 84%, 11 p.p. e 8 p.p. inferior ao 2T17 e ao 1T18 respectivamente, em função de parada programada na unidade de Oyster Creek, no Texas e problemas operacionais na unidade de Marcus Hook, na Pensilvânia.
  • EBITDA de US$ 170 milhões no 2T18.
México:
  • No 2T18, taxa de utilização das plantas de PE de 72%, 11 p.p. e 13 p.p. inferior ao 2T17 e ao 1T18, respectivamente, em função do menor fornecimento de etano e da parada programada.
  • No trimestre, vendas de PE no mercado mexicano totalizaram 135 mil toneladas, 4% superior ao 2T17 e 8% inferior ao 1T18, representando 68% das vendas totais.
  • EBITDA de US$ 161 milhões no 2T18.
Para acessar o release de resultados, clique aqui
 
A Braskem realizará teleconferências em inglês sobre seus Resultados AMANHÃ, 9 de agosto, às 13h00.
Para informações, contate com a Área de Relações com Investidores:  braskem-ri@braskem.com.br, (11) 3576-9531.